EMU

Esta página é dedicada aos equipamentos multi-usuários (EMU) presentes em nosso laboratório. As regras de uso dos equipamentos estão descritas no plano de gestão seguinte.

Plano para gestão e uso do equipamento

Descrição

Os equipamentos multi-usuários (EMU) descritos abaixo estão localizados no Laboratório de Nano e Biossistemas, Departamento de Física Aplicada, do Instituto de Física “Gleb Wataghin” (IFGW). Foram adquiridos pelo Projeto EMU 2004/09132-8 concedido pela Fapesp.

Os equipamentos EMU consistem em:

  • microscópio de força atômica Agilent modelo 5500

  • microscópio de fluorescência Nikon modelo TE-2000U.

Comitê gestor

As regras e procedimentos para utilização dos instrumentos são definidas pela pesquisadora responsável pelo projeto EMU, Profa. Mônica Alonso Cotta. Além do gerenciamento do uso do equipamento, a Prof. Mônica é responsável pela alocação de tempo necessário à manutenção preventiva do equipamento e tempo dedicado à calibração e manutenção da qualidade dos dados.

Uso do equipamento

A utilização do equipamento deverá ser solicitada pelos interessados através do envio de propostas de trabalho. As propostas serão avaliadas pelo comitê gestor. O comitê decidirá sobre a realização das medidas de acordo com a disponibilidade de tempo do equipamento, e adequação da técnica às necessidades científicas da proposta apresentada.

Elaboração de Propostas (enviadas por email para monica-at-ifi.unicamp.br):

As propostas de trabalho devem ser enviadas em no máximo três folhas redigidas em papel A4 contendo as seguintes informações:

1 – Nome, email e telefone de contato das pessoas interessadas/envolvidas na realização das medidas;

2 - Objetivos e estado da arte do projeto;

3 - Descrição detalhada das amostras que serão analisadas;

4 - Descrição do tipo de medida a ser realizado (anexar caracterizações prévias quando for o caso);

5 - Cronograma de trabalho estipulado.

Manutenção e assistência aos usuários

O apoio técnico e a assistência aos usuários serão realizados pelo pesquisador responsável pelo EMU e pelo engenheiro responsável pelo laboratório (atualmente, João Hermes Clerici: clerice-at-ifi.unicamp.br).

Compete a estes profissionais administrar o uso do equipamento, zelar pelo bom uso e manutenção, ensinar os usuários a operá-lo, realizar suas manutenções preventivas, detectar falhas e problemas técnicos, realizar reparos quando possível e manter o funcionamento e organização do laboratório.